quinta-feira, 7 de julho de 2011

E a saudade falou alto por todo o caminho,
o silêncio a acompanhou,
junto com um nó na garganta,
um aperto no coração,
a incerteza do futuro,
e o cheiro do 'amor' guardado no travesseiro.

Ela guardou cada detalhe do longo caminho,
cada cheiro e cor,
só pra contar pro 'amor' quando voltar,
adiantar o caminho que um dia eles farão...
juntos.


---

Beijão pra quem leu!

4 comentários:

Gustavo Pavan disse...

hahahahaha. To imaginando a cara dele quando ler isso. Tá lindo demais

enD disse...

AIIIIIII DÃÃÃOOOOOOOOO

Pedro Inácio disse...

AIIIIIIIIII DÂO! aeiuhsiuehsiuheiuhsi
eu fiz a cara que você imaginou guzinho. /s
Lindo texto! lindo texto. lindo texto!
lindos você que saudades =/
Amo muito.

Steph disse...

coisa linda *-*